Sem condições do campo, estreia do América na Copa BH Feminina é adiada

  • Daniel Hott
  • 12/03/2018 12:05
Coelhinhas se apresentaram para a partida, mas chuva deixou o campo inapto para o futebol (Foto: Divulgação / América)

A partida entre América e MHM, pela primeira rodada da Copa BH Feminina, prevista para a tarde desse domingo, não foi realizada. Devido às péssimas condições do Campo do Nacional, por conta da chuva que castigou a capital durante todo o fim de semana, a comissão técnica do Coelho preferiu não colocar a equipe em campo.

A delegação do América se apresentou normalmente para o jogo e, logo de início, teve problemas com o vestiário alagado. Com isso, as jogadoras trocaram de roupa dentro de carros estacionados na rua.

Depois, ao verificar a péssima situação do campo, a comissão técnica americana solicitou a remarcação da partida. O árbitro Pedro Mayan Aureliano, no entanto, ignorou o estado do Campo do Nacional e confirmou a partida às 13h.

“Quando chegamos ao Campo do Nacional, percebemos que não havia a menor condição técnica de realizar uma partida ali, por conta da chuva. O campo é de terra e, com a chuva forte não havia como praticar futebol de forma segura”, explica Bárbara Fonseca, assessora especial do time feminino do Coelho.

Mesmo com a negativa do árbitro, a comissão técnica do América preferiu não mandar as atletas a campo, com total respaldo da diretoria do Clube, a fim de preservar a integridade física de suas atletas e dos demais profissionais envolvidos na partida.

A decisão do América, inclusive, foi chancelada pelo próprio trio de arbitragem do jogo seguinte, entre Nacional e Santa Tereza, que seria disputado às 15h e não foi realizado por falta de condições do campo.

O América aguarda a remarcação do jogo diante do MHM em dia e local com condições para a prática do futebol.